/ Para recrutadores

Quando uma startup passa a precisar de RH?

Uma das melhores vantagens das startups é que elas têm a liberdade de serem diferentes. Pelo fato de não ter ligação com grandes corporações, as coisas não precisam ser feitas como sempre foram. Startups são o símbolo da inovação empresarial. Geralmente, essa inovação não vê a área de Recursos Humanos como a primeira área que eles priorizam, pois ela é vista como algo relacionado a grandes corporações, que não abrem espaço para a criatividade e a flexibilidade. Flexibilidade é a razão pela qual startups tem se saído melhor do que o que tem acontecido com outras empresas maiores e com o próprio país, aliás. Mas a verdade é que possuir um setor de RH em startup, principalmente um RH bem-estruturado, não apenas valoriza o negócio como também demonstra reconhecimento para com os colaboradores da sua empresa. E o reflexo de um trabalho profissional na gestão de pessoas é evidente, que vai desde a cultura do negócio até a área de finanças.

Começando uma área de RH

É preciso ter em mente que mesmo se tratando de uma startup, o RH não é simples. E nem deve ser. O que não significa que os processos precisem ser os mais inflexíveis e construídos através de práticas milenares (que em teoria são efetivas), na verdade o importante é que eles funcionem para o grupo de pessoas envolvidas no negócio. Segundo especialistas, uma startup que planeja expandir seus negócios deve planejar uma área de RH desde o começo. Muitas empresas perdem a chance de crescer ou acabam falindo porque não planejam seu crescimento de forma clara, ao mesmo tempo em que não entendem que precisam de profissionais adequados que direcionem esse crescimento. E a área de RH em startup deve fazer parte desse planejamento.

Esses profissionais podem ser até mesmo sócios, parceiros, membros da equipe, o importante é que sejam pessoas que gostem do tema (inclusive é uma boa oportunidade de descobrir talentos em startups). De qualquer forma é necessário frisar que independente de quem seja, a proximidade da equipe junto aos fundadores é fundamental. Isso é interessante, pois acaba por criar e moldar a cultura e a política da empresa, e deixá-la alinhada com a estratégia do negócio. Também gera significado para a equipe sobre o impacto no trabalho de cada um dos membros. Outra vantagem de ter uma área de RH em startup é que você e seu time podem manter a papelada da forma que funcione da melhor forma para vocês, inclusive tornar essa papelada física em mídia digital (mas tenha certeza que seja um método seguro para não perder dados dos funcionários ou da empresa).

RH em Startups: planejamento de práticas e processos

Ao planejar o crescimento da equipe, é fundamental pensar nas práticas e processos, na adaptação e integração de novos funcionários, na estrutura física (que abrange a área de equipamentos e ergonomia), e no orçamento disponível. Essa área, em particular, deve ter um cuidado redobrado, pois erros de cálculo podem prejudicar seriamente a organização. Pensar em benefícios para os colaboradores que sejam compatíveis com a tarefa também é papel do RH.

Ter uma área de Recursos Humanos ativa, especialmente quando falamos de RH em startup é importante. Manter-se aberto a possíveis talentos no mercado, contratá-los de forma rápida e, caso não seja o que você esperava, dispensar na mesma velocidade, mas nunca esquecer que é a sua equipe quem faz o seu negócio. São os funcionários que você já tem que vão fazer a diferença na hora da sua empresa ser exaltada. Por isso, falamos novamente sobre a importância da cultura da empresa. Ter orgulho de quem você é, envolver os funcionários e estimulá-los a compartilhar esses valores leva a um bom clima e gera conquistas.

Gestão de Talentos

Um desafio que os RHs hoje enfrentam é o de encontrar, manter e gerir talentos em startups. Na hora de contatar, o tempo é crucial, e deve ser utilizado de maneira inteligente. A demanda de profissionais é grande, mas separar o joio do trigo exige paciência – e experiência. Por isso, uma boa gestão faz toda a diferença. E é pra isso que existe a TalentBrand, para ajudá-lo a se conectar com os melhores talentos quando o assunto é marketing e vendas. Ficou com alguma dúvida? Entre em contato com a gente e fique sabendo como contratar melhor e crescer mais rápido!