/ Para candidatos

Como saber se minha carreira está indo na direção certa?

Como saber se minha carreira está indo na direção certa?

Você já teve aquele sentimento de que algo não estava indo exatamente como o esperado? Apesar das coisas não terem dado errado, elas também não estavam certas? Normalmente, esse tipo de situação acontece com frequência nas diferentes áreas da nossa vida. Mas… E se você sentir isso em relação ao seu emprego?

Sempre em que estamos numa situação desconfortável em nossa vida profissional, tendemos a menosprezar nossas insatisfações. Isso porque mudar o rumo da sua carreira não só é assustador, como muitas vezes arriscado.

Preocupada com isso, a Talentbrand escreveu um artigo que te dará dicas de como reconhecer se sua carreira está indo na direção certa.

Faça um plano de carreira

A primeira e principal medida que um profissional deve tomar para reconhecer se deve trilhar outro caminho é elaborar um plano de carreira. Nele, devem constar suas metas (onde você quer chegar), como você pretende alcançá-las e em quanto tempo.

Evidentemente, essas estruturas devem ser desenvolvidas em detalhe, não basta apenas escrever que você quer trabalhar na Apple em 2 anos estudando design. Falando nisso, é preciso se atentar ao quanto seus objetivos estão alinhados à realidade.

Algo que faria mais sentido, por exemplo, seria definir que você gostaria de trabalhar numa sede da Apple (Brasil) em 5 anos, após adquirir experiência na área de design.

É preciso entender que atualmente há uma tendência das carreiras se desenvolverem por meio de vivências em diferentes empresas. Muito diferente de como era antigamente, com a entrada e progressão numa mesma organização.

Nossos pais e/ou avós estavam numa realidade na qual começavam em uma empresa sem saber “quase nada” e eram promovidos mediantes a desempenho. Hoje em dia, entretanto, é muito mais plausível você assumir cargos superiores ao adquirir experiência em diferentes instituições. É crucial ressaltar, também, a necessidade de maior qualificação para “subir” profissionalmente.

Analise sua evolução profissional

Assim que você conseguir traçar seu plano de carreira, é hora de comparar o que você traçou nele com a trajetória e realidade atual. Não é preciso dizer que, se houverem muitas discrepâncias, algo está errado.

Não há problema algum em mudar seu plano de carreira ao longo do tempo, afinal, seus objetivos ou paixões não são imutáveis. Porém, se o que você traçou não tem nada a ver com o que você está fazendo hoje, talvez seja hora de mudar.

Para se manter fiel aos seus sonhos, é preciso ter muita coragem e determinação. Não são todos que terão coragem de trocar de emprego ou até de carreira para seguir um sonho. Mas, os que o fazem, com certeza estão um passo mais próximo de terem realização profissional e até pessoal.

Fazendo um adendo no caso de pessoas que estão começando sua carreira agora: não aceite um emprego que não tenha a ver com você só por ter um “salário alto”. Muito menos siga um caminho que os outros ditaram para você, isso só trará frustrações e prejuízos a médio e longo prazo.

No caso de profissionais que estão desempregados, esse é o momento para fazer uma autocrítica. Com autocrítica, entretanto, não estamos dizendo pensamentos negativos e o desenvolvimento de uma baixo autoestima. Estamos falando de um pensamento franco sobre seus acertos, erros e se continuar em um caminho semelhante fará sentido para você.

Realize um gerenciamento de carreira

Agora, com um plano de carreira e uma análise crítica da sua evolução profissional, é hora de fazer um gerenciamento de carreira. É altamente aconselhável que um profissional consiga pensar em medidas estratégicas para criar os caminhos necessários às suas metas.

A definição de objetivos claros é mandatório. Seus esforços devem se concentrar na realização de tarefas e aperfeiçoamento de habilidades que façam sentido a longo prazo. Ou seja, se você quer trabalhar na área de vendas, por exemplo, é preciso trabalhar nas suas habilidades comunicativas.

Com os objetivos traçados, será infinitas vezes mais fácil tomar os passos necessários na direção dos seus sonhos. Decisões embasadas são essenciais para o sucesso de um indivíduo.

Sinais que você não está no caminho certo

Após fazer todas essas recomendações, claro que apontaremos alguns sinais para você conseguir reconhecer de forma mais evidente que talvez algo esteja errado.

  1. Você se sente frequentemente desmotivado
  2. Ir ao trabalho já se tornou quase que uma tortura
  3. Você não reconhece mais nenhuma utilidade no que faz
  4. Há mais coisas negativas do que positivas na sua rotina
  5. Você se sente constantemente desvalorizado
  6. É impossível conviver com seus colegas de trabalho e/ou chefe
  7. Você desempenha funções que diferem muito das suas paixões
  8. A cultura da empresa não tem nada a ver com você
  9. Não há mais desafio algum, não há mais nada a se aprender
  10. Ou você sempre é designado com tarefas impossíveis

Então, você sente que está no emprego certo?

Traçar um plano de carreira e se manter fiel a ele nem sempre é fácil. Por vezes, sua carreira tomará rumos que você não esperava, o que não significa necessariamente mudanças ruins.

Entretanto, se você sente que está distante do que gostaria de fazer profissionalmente, não hesite em buscar um emprego que te trará mais satisfação pessoal. Afinal, dedicamos a maior parte do nosso tempo trabalhando ou pensando no nosso trabalho, certo? Invista seu tempo em algo que você ama.

Caso precise de ajuda para achar o emprego perfeito para você, conte conosco! :)

Como saber se minha carreira está indo na direção certa?
Share this
Vagas em Marketing e Vendas - we're hiring!